Trigo Verde Ajuda a Emagrecer

Considerado a Nova Quinoa, Trigo Verde Ajuda a Emagrecer.

Por causa do glúten, a reputação do trigo ficou um pouco manchada na alimentação de quem deseja ou precisa emagrecer. No entanto, uma versão do grão que ainda é novidade no Brasil pode recuperar sua estima nos cardápios. O Freekeh, ou trigo verde, colhido antes do amadurecimento, ajuda a emagrecer.

- O grão é considerado a nova quinoa. Ele é rico em fibras, o que aumenta a saciedade, tem duas vezes mais proteínas do que a quinoa e quatro vezes mais fibras do que o arroz integral. E tem ainda baixo índice glicêmico e grande quantidade de antioxidantes, como a luteína e a zeaxantina. Eles auxiliam na perda de gordura, já que ela é considerada uma inflamação, uma desordem metabólica combatida por esses antioxidantes - explica a nutricionista clínica esportiva Nathalia Fonseca.

Mas não é porque o trigo verde é um bom emagrecedor que ele deve ser comido sem moderação. A porção ideal, de acordo com a nutricionista, é de 100g diárias em uma só refeição, ou fracionado ao longo do dia:
- Vale considerar a mesma quantidade que se comeria de arroz integral, que pode ser substituído pelo trigo verde. A quantidade de calorias dos dois é bem similar. São 350kcal por 100g de trigo contra 360kcal do arroz. O ingrediente pode ser inserido em saladas e sopas, em meio a outros grãos, ou triturado como farinha, no caso de substituir o trigo comum para bolos. Nas refeições, deve ser acompanhado de uma fonte de proteína.

Apesar de conter glúten como o trigo comum, isso chega a ser insignificante diante de tantos benefícios do trigo verde, que é encontrado em lojas de produtos naturais.

- Com tantos nutrientes, entre eles ferro, cálcio e magnésio, não se deve levar muito o glúten em consideração, já que ele vai ser usado em receitas simples. O problema é usá-lo em excesso ou em receitas que já contenham muito glúten. Mas vale alertar que ele é proibido para intolerantes e alérgicos - avisa Nathalia.


Créditos: Conteúdo publicado no site do Jornal Extra, com informações da Nutricionista Clínica Esportiva Nathalia Fonseca

Gostou? Compartilhe com seus amigos:
 
Voltar ao Topo!